Primeira Festa do Divino em Águas de Prata foi marcada por emoção e presença maciça do público

0
775
5
13
35
20
19

Realizada pela prefeitura de Águas da Prata e pela paróquia Nossa Senhora de Lourdes, a primeira Festa do Divino Espírito Santo foi um sucesso na cidade. A ‘Corte do Divino’ visitou sete bairros da cidade (12 casas em cada bairro). O encerramento foi no domingo, dia 20 - último dia da festa em homenagem ao Espírito Santo, que apareceu aos apóstolos de Cristo em forma de línguas de fogo, cinquenta dias após a ressurreição.

“Emoção e devoção foram constantes neste belo evento religioso. Recebemos inúmeros elogios, os quais sempre exaltam a admiração pela prefeitura junto a paróquia estarem implantando pela primeira vez em Águas da Prata essa importante tradição religiosa com seu viés folclórico. As crianças envolvidas se mostraram comprometidas e envolvidas com nossa história bem como os fiéis e admiradores. É de encher os olhos e o coração”, disse Luciana Sargaço, secretária municipal de Turismo e Cultura.

CORTEJO E CONGADA
Sábado, penúltimo dia da Festa foi de muita devoção e diversão na cidade. Apoiado pela Polícia Militar, o “Cortejo do Divino” fez um percurso menor que o planejado por causa da chuva que caiu bem no momento da procissão. Mesmo assim, muita gente se admirou com essa que foi a primeira vez que a cidade viu a comemoração.

VOLUNTÁRIOS
Chegando no local da festa, o espaço atrás da igreja matriz estava todo tomado pelo público. Nas barracas o trabalho era grande para dar conta da demanda. Os voluntários, mais uma vez, mostraram a que vieram e serviram quitutes de dar água na boca. Além do Afogado, que é um prato tradicional da festa - um ensopado de carne de vaca, servido com farinha de mandioca, típico da comida caipira com receita originária do Vale do Paraíba, teve ainda os lanches de pernil, pastéis fritos na hora e muito mais. Animando a festa estava a dupla Lucas e Elias. As prendas, doadas pela comunidade, mais uma vez fizeram sucesso nas mesas.

AGRADECIMENTOS
No palco, padre Alex Carossi, pároco da cidade, agradeceu a presença de todos e o apoio da prefeitura. “Quero fazer um agradecimento especial à secretária de cultura e turismo Luciana Sargaço, que não mediu esforços para que a gente pudesse realizar essa festa pela primeira vez em Águas da Prata. Agradeço à prefeitura, sem a qual a gente não conseguiria fazer tudo o que fizemos”, disse o padre.

CONGADA
Depois da cerimônia de apresentação final da Corte, o grupo de Congada Nossa Senhora da Guia, de Poços de Caldas, fez uma apresentação rápida e, mesmo debaixo de chuva, emocionou os presentes.

DOMINGO DE FEIJOADA
O último dia da festa foi marcado com a venda de uma feijoada também preparada pelo batalhão de voluntários. A renda da festa vai ser revertida para a implantação do sistema de som da igreja matriz da cidade.

“Foi tudo muito bonito. O público não só compareceu como colaborou. Deixo aqui meu abraço ao Padre Alex que comandou tudo com maestria, aos voluntários e ao pessoal da prefeitura que se empenhou nesse trabalho. Ficamos muito felizes em colaborar com a realização desta festa. Foi uma parceria que deu certo e certamente virão outras com a paróquia. É deste tipo de união de forças positivas, de atitudes do bem que a cidade precisa. Gente que não fica falando, criticando o tempo todo. Precisamos de pessoas assim, de gente que faz. Esse é o espírito”, disse o prefeito Carlos Henrique.

Veja aqui mais notícias sobre Águas da Prata.

Fonte: Prefeitura Municipal de Águas da Prata – SP