sexta-feira, janeiro 22, 2021

Pesquisa sobre saúde dos cuidadores de idosos é tema de artigo científico

Destaques

Em São João da Boa Vista homem é preso com revolver calibre 38

Nesta terça-feira (19), próximo ao cemitério de São João da Boa Vista uma Equipe de Força Tática, durante ação...

São João da Boa Vista está pronta para receber vacinas da Covid-19

O Departamento de Saúde da Prefeitura de São João da Boa Vista informa que sua equipe está totalmente preparada,...

Vistoria avaliou alternativas para trecho da Ciclovia entre São João da Boa Vista e Águas da Prata

A concessionária ferroviária VLI realizou uma visita técnica no trecho da malha ferroviária entre São João da Boa Vista...
Rafael Arcuri
Rafael Arcurihttps://facebook.com/orafaelarcuri
Rafael trabalha na redação do Fala São João desde sua fundação em 2011. Nos anos seguintes, ele liderou o setor de marketing da empresa e publicou mais de 4.000 artigos — um mix de notícias de última hora, notícias policiais, notícias políticas e muito mais.
- Publicidade -



O artigo “Qualidade de vida dos cuidadores de idosos”, escrito pela aluna Aline
Fernanda da Costa e a Profa. Me. Rebeca Ferreira, do curso de Fisioterapia da UNIFAE,
foi publicado pela revista científica The Brazilian Journal of Development.

“É importante falar sobre a qualidade de vida dos cuidadores, já que são eles que assumem todos os cuidados do idoso dependente. Muitas vezes estes cuidados geram estresse mocional e físico, comprometendo a saúde do cuidador e o desempenho de suas atribuições. Geralmente, a atenção e as políticas públicas são voltadas diretamente para os idosos, deixando de lado a promoção à saúde e prevenção de doenças para os cuidadores”, conta a Profa. Rebeca.

O processo de envelhecimento deve ser entendido como natural e traz com ele algumas mudanças sofridas pelo organismo ao longo dos anos. Em 2018, o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – estimou que a população brasileira com 65 anos ou mais cresceu 10%, ou seja, à medida em que a população de idosos aumenta, os cuidados também. Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram que, em 2017, houve um aumento significativo no número de cuidadores, saltando de 5.263 para 34.051.

Durante o estudo foi aplicado um questionário de qualidade de vida para 15 voluntários entre 20 e 60 anos de idade, que abordou temas como: psicológico, relações sociais, meio ambiente e físico, como explica Rebeca. “Uma das estratégias do Fisioterapeuta está em aplicação do questionário WHOQOL. A Organização Mundial da Saúde constatou que, nos anos de 1990, as medidas de qualidade de vida são de extrema importância para a saúde, tanto dentro de uma perspectiva individual como social”.

Como resultado foram compreendidos que os cuidadores de pacientes parcialmente dependentes não apresentaram piora na qualidade de vida. Além de ser observado que a maioria dos cuidadores trabalham com vinculo informal, com maior jornada de trabalho, comparada aos cuidadores formais.

Outro ponto observado também foi que a maioria dos cuidadores conseguem conciliar suas atividades de lazer com o trabalho. A pesquisadora finaliza, comentando que outras análises e estudos ainda serão desmembradas desta pesquisa.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Policial Militar sofre tentativa de homicídio durante ocorrência em São João da Boa Vista

Na tarde do dia 16 de janeiro (sábado), uma equipe foi direcionada ao bairro Nova São João, em uma...
- Publicidade -

Posts Relacionados

- Publicidade -