Greve altera funcionamento do transporte coletivo urbano em São João!

6543
Clique na imagem para ampliar.
- Publicidade -
- Oferecimento -

Em função da greve nacional dos caminhoneiros, com risco iminente de desabastecimento de combustíveis em todo o país, a empresa Rápido Sumaré, concessionária do transporte coletivo urbano em São João da Boa Vista, foi obrigada a alterar sua grade de horários e a reduzir a circulação de ônibus até que a situação volte à normalidade.

Em comunicado interno dirigido aos gestores de suas unidades, o Grupo Belarmino, ao qual pertence a Rápido Sumaré, informa que as “empresas do grupo conseguiram manter o abastecimento através de transporte próprio até o dia 22/5, mas bloqueios no acesso às distribuidoras impedem o abastecimento no dia 23/5, prejudicando toda a logística de transporte de passageiros”.

Ainda segundo o comunicado, há caminhões tanques já abastecidos e preparados para entregas nas garagens, mas eles estão retidos no movimento, dentro da própria distribuidora.

“Esta falta de abastecimento por certo impossibilitará a prestação dos serviços de transporte de passageiros terrestres como um todo, haja vista a impossibilidade dos administradores em evitar e resistir à greve nacional dos caminhoneiros”, diz o comunicado.

Na manhã de hoje, a Rápido Sumaré divulgou a grade de horários que passa a vigorar, em caráter excepcional, a partir de desta quinta-feira (24), para as linhas de ônibus circular em São João.

Veja aqui mais notícias sobre São João da Boa Vista.

Fonte: Prefeitura Municipal de São João da Boa Vista – SP

- Oferecimento -